Cinco ONGS para adotar o seu pet

Confira locais confiáveis para fazer a adoção e prepare a casa para receber o animal

Letícia Gerola

A Organização Mundial da Saúde divulgou que no Brasil são mais de 30 milhões de animais abandonados | <i>Crédito: iStock
A Organização Mundial da Saúde divulgou que no Brasil são mais de 30 milhões de animais abandonados | Crédito: iStock

Adotar um animal de estimação é muito mais do que um ato de amor, é o início de uma relação de respeito e fidelidade que deverá perdurar por muitos anos. A veterinária da Hercosul Alimentos, Laís Alarça, dá algumas dicas de como preparar a casa para receber o pet e os cuidados essenciais para os seus primeiros dias no novo lar.
                Para os adotantes que moram em apartamento, a primeira recomendação é que as aberturas sejam teladas para evitar quedas. Quando o assunto é nutrição, Dra. Laís recomenda que sejam oferecidos apenas produtos feitos para animais. “A alimentação será sugerida pelo veterinário, mas é importante que os tutores saibam da importância de respeitar a faixa etária de cada animal, escolhendo a ração ideal com base nisso”, explica.
                Os primeiros dias requerem paciência para que o bicho se acostume com a casa nova, pois até o cheiro do ambiente interfere nisso. “Eles se adaptam aos poucos, conforme sentem segurança. O tempo de adaptação varia para cada animal e depende da rapidez com que se reconhecem no ambiente”, completa Laís.
                Adotar um animal é um gesto de amor, lembra Laís. “A Organização Mundial da Saúde divulgou que no Brasil são mais de 30 milhões de animais abandonados, ou seja, muitos bichinhos estão esperando um lar pelo país. Quem adota está fazendo um bem para si, para o animal e para a humanidade”, conclui. 

Centro de Controle de Zoonoses – São Paulo
O centro realiza o resgate de cães e gatos abandonados ou em situação de risco. Os animais passam por consulta médica e recebem um chip identificador. Os interessados em adotar devem ser, obrigatoriamente, maiores de idade e comparecer ao local portando guia, CPF, RG e comprovante de residência.
Informações: R. Santa Eulália, 86, Santana, região norte, tel. 3397-8900. Adoção: seg. a sex.: 9h às 17h. Sáb.: 9h às 15h. 

União de Proteção Animal de Salvador (UPAS) – Salvador, Bahia
A ONG realiza Feira de Adoção uma vez ao mês e na feira são disponibilizados cães e gatos já castrados. Para adotar, a pessoa deve levar RG e comprovante de residência, e pagar uma taxa de R$ 40, para a manutenção do projeto (castrações, medicamentos, alimentação.)
Informações: www.upas.org.br

Cão Viver – Belo Horizonte, Minas Gerais
A ONG realiza o resgate de cães e gatos abandonados ou em situação de risco. Para adotar, é necessário ser maior de 21 anos, apresentar RG, CPF e comprovante de residência.
Informações: Rua 1º de Maio, 165 - Bairro Braúnas - CEP: 32.186-429 - Contagem / MG 
Visitas e adoções: 3a, 5a e 6a, das 14h às 16h; sábado, das 13h às 16h / Consultas: de 2ª a sábado, das 9h às 12h e das 14h às 16h

ONG Protetores e Amigos Trabalhando pelos Animais (PATA) – Florianópolis, Santa Catarina
Para adotar é preciso ser maior de 18 anos, apresentar CPF e RG e comprovante de residência e assinar um Termo de Responsabilidade.
Informações:
www.pata.org.br/ Telefone: (48) 3266-8288.

Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (SUIPA) – Rio de Janeiro
A SUIPA mantém em sua sede uma Assistência Veterinária, com preços populares, para que todas as pessoas possam cuidar de seus animais de estimação, de segunda a domingo e também nos feriados. 
Informação:
Av. Dom Hélder Câmara, 1801 - Benfica - Rio de Janeiro – RJ 

16/03/2017 - 18:21

Conecte-se

Revista Vida Simples