Exposição sobre matemáticas brasileiras entra em cartaz

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação inaugura exposição destacando o perfil de oito pesquisadoras brasileiras que atuam na área da matemática

Letícia Gerola

Carolina de Araújo, a única mulher que faz parte do corpo científico do IMPA, vê a matemática como uma arte | <i>Crédito: Divulgação
Carolina de Araújo, a única mulher que faz parte do corpo científico do IMPA, vê a matemática como uma arte | Crédito: Divulgação

Cada peça traz uma personalidade. Em cada personalidade, está um pouco da história da matemática no Brasil. Encorajar as mulheres interessadas em atuar nesse campo de pesquisa é o objetivo da exposição Elas: expressões de matemáticas brasileiras. Inaugurada no dia das mulheres, a exposição é gratuita e fica em cartaz até dia 31 deste mês na biblioteca Achille Bassi do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos.
  “Esperamos que, em pouco tempo, atitudes como as das mulheres que fazem parte dessa exposição sirvam para promover oportunidades e tratamento iguais para as mulheres na ciência”, diz Thaís Jordão, professora do ICMC e curadora da exposição. Entre os perfis apresentados nos painéis estão os de três ganhadoras do prêmio Para Mulheres na Ciência: Adriana Neumann, professora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Cecília Salgado, professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); e Carolina de Araújo, professora do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA).
  Completam a exposição peças com os relatos das professoras Maria José Pacífico e Walcy Santos, ambas da UFRJ; Keti Tenenblat, da Universidade de Brasilia; Ketty de Rezende, da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP); e Maria Aparecida Ruas, do ICMC. Aposentada, Maria Aparecida é professora sênior no Instituto, onde começou a dar aulas em 1981. Ela foi a primeira mulher a chefiar o Departamento de Matemática do ICMC.

Elas: expressões de matemáticas brasileiras
elasmatematicas.icmc.usp.br
Local: Piso térreo da Biblioteca Achille Bassi (Av. Trabalhador São-carlense, 400, no campus I da USP, no Centro de São Carlos)
Quando: até 31 de março
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 21h30, e aos sábados, das 9h às 12h (exceto feriados).
Mais informações: Comissão de Cultura e Extensão Universitária do ICMC – Telefone: (16) 3373.9146

08/03/2017 - 18:37

Conecte-se

Revista Vida Simples