Frida e Eu: exposição Frida Khalo

Vida e obra da expositora mundialmente conhecida por seus autorretratos tem início em março; Frida e Eu tem sala interativa permite aos visitantes desenhar na mesma posição que a artista

A exposição é composta por seis eixos temáticos | <i>Crédito: Reprodução
A exposição é composta por seis eixos temáticos | Crédito: Reprodução

Após passar pelo Centre Pompidou, na França, e por espaços na Inglaterra, Espanha, México e pelo Rio de Janeiro, a história de dores e amores de Frida Kahlo passa por São Paulo. Na exposição Frida e Eu, os visitantes entram em contato com a vida e a obra da artista, mundialmente conhecida por seus autorretratos e que valorizou, como poucos, as cores e a cultura de seu país. 
            A exposição é composta por seis eixos temáticos: Frida e o autorretrato, Frida e a família, Frida e a dor, Frida e Diego, Frida e a natureza e Frida e Paris, apresentados em diversas instalações que trarão a alma da artista para perto das crianças. Não fazem parte da exposição pinturas feitas pela artista, mas todos terão à disposição, por exemplo, uma estação com almofadas espalhadas pelo chão, um cavalete adaptado, canetas esferográficas e um espelho no teto colocado na posição exata em que todos deitados consigam se ver - assim como Frida fez em seu quarto quando sofreu um acidente. Assim, adultos e crianças podem desenhar o que quiserem e se divertir nessa posição pouco comum de se olhar. Foi desse jeito inusitado que Frida começou a pintar.

Frida e Eu
13/3 a 30/6, de segunda a sábado, das 10h30 às 19h30
Oficinas para crianças: sábados, das 15h às 16h

16/03/2017 - 18:06

Conecte-se

Revista Vida Simples