Marca recicla meio milhão de esponjas de cozinha

Programa mobiliza o consumidor a reciclar suas esponjas usadas e transformar em doações a entidades carentes

Letícia Gerola

Assim que o peso mínimo para envio for atingido (500 gramas), o consumidor pode solicitar a sua etiqueta pré-paga na página do programa e fazer o envio das esponjas de qualquer agência Correios, em qualquer lugar do Brasil - sem nenhum custo. | <i>Crédito: Divulgação
Assim que o peso mínimo para envio for atingido (500 gramas), o consumidor pode solicitar a sua etiqueta pré-paga na página do programa e fazer o envio das esponjas de qualquer agência Correios, em qualquer lugar do Brasil - sem nenhum custo. | Crédito: Divulgação

A iniciativa atua desde junho de 2014 para transformar esponjas de limpeza doméstica usadas em matéria-prima para fabricar novos produtos: pás de lixo, lixeiras, suportes de notebook, entre outros. Em vez de aterros e lixões, as esponjas passaram a contar com uma alternativa ambiental de descarte, como mostra o vídeo. Graças ao engajamento de cerca de 500 mil consumidores em todo o Brasil, o Programa Nacional de Reciclagem de Esponjas atinge a marca de 4 toneladas de resíduos coletados. O programa aposta no protagonismo do consumidor para a formação de redes de coleta em prol do meio ambiente.

Como funciona

A dinâmica é simples: basta se cadastrar no site da TerraCycle, empresa responsável pelas soluções ambientais e começar a coletar esponjas de limpeza doméstica de qualquer marca. Assim que o peso mínimo para envio for atingido (500 gramas), o consumidor pode solicitar a sua etiqueta pré-paga na página do programa e fazer o envio das esponjas de qualquer agência Correios, em qualquer lugar do Brasil - sem nenhum custo.  A cada esponja enviada à TerraCycle, o consumidor soma 2 pontos, que se convertem em R$ 0,02. Todo o valor juntado é doado a uma escola ou instituição sem fins lucrativos à escolha dos próprios consumidores.
            “Quando descobri o programa de reciclagem de esponjas achei muito interessante, pois eu jamais saberia que era possível reciclar esse tipo de resíduo, sempre as jogava no lixo comum e achava que elas eram feitas de um material biodegradável. Para cada pessoa que eu falo sobre a reciclagem de esponjas é uma surpresa, pois além de ajudar o meio ambiente, você também ajuda uma instituição”, comenta Camila Matte, empresária e líder comunitária participante do programa de coleta.

09/03/2017 - 16:08

Conecte-se

Revista Vida Simples