BBB19: Paula dá risada e afirma: 'A Globo vai ser processada'

Sem saber do inquérito policial fora da casa, sister brinca sobre seus depoimentos no reality show

terça 12 fevereiro, 2019
Paula, BBB19
Paula, BBB19 Foto:Reprodução / Instagram

A sister Paula fez mais um depoimento polêmico dentro do Big Brother Brasil 19. Sem saber do inquérito policial fora do reality show, ela teve uma conversa inusitada com Hariany sobre seus comentários no programa. A loira chegou a dizer que poderia ser processada por praticar o bullying com outros participantes.

“Essa pessoa vai ser eliminada por...”, começa Paula, que logo é interrompida por Hariany: “Por debochar e rir do problema alheio. E por isso, resolvemos que você está fora do programa”.

As duas dão muitas risadas e Paula continua no assunto: “Porque se não, daqui a pouco, a Globo vai ser processada, de tanto bullying que estou fazendo no programa. Eu sou terrível”.

A sister ainda tentou se defender: “Não é por maldade. É legal, eu acho graça e falo. Mas, às vezes, só eu acho graça”. Hariany também tentou falar da personalidade da amiga. “Você adora debochar das pessoas. Mas debochar é bom, é engraçado”.

COMUNICADO DA GLOBO

A TV Globo se pronunciou na tarde desta segunda-feira (11) após a abertura de um suposto inquérito contra participantes do Big Brother Brasil 19.

Mais cedo, a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância do Rio de Janeiro, órgão da Polícia Civil, emitiu uma nota em que informa que abriu uma apuração com base em denúncias recebidas.

A TV Globo afirma que não houve notificação oficial e reitera seu compromisso com todas as crenças.

"Não fomos notificados, mas é importante pontuar que a Globo respeita a diversidade, a liberdade de expressão e repudia com veemência qualquer tipo de intolerância e preconceito, em todas as suas formas. Desde 2016 a emissora mantém no ar a campanha ‘Tudo começa pelo Respeito’, em parceria com UNESCO, UNICEF, UNAIDS e ONU MULHERES, que atua na mobilização da sociedade para o fortalecimento de uma cultura que não apenas tolere, mas respeite e discuta amplamente os direitos de públicos vulneráveis à discriminação e ao preconceito. Desta forma, é importante reiterar que qualquer manifestação pessoal, equivocada ou não, feita pelos participantes do programa, não reflete o posicionamento da emissora", diz a nota da Globo.

POLÊMICA

A polêmica da semana do Big Brother Brasil é sobre comentários feitos por Maycon sobre Rodrigo e Gabriela. No domingo (10), já no final da festa, o brother viu Rodrigo e Gabriela curtirem um momento especial e comentou com Diego a sensação que teve.

“Foi assim eu estava aqui comendo, e tava o Rodrigo e a Gabi, eu comendo de ‘boassa’. De repente comecei a sentir um arrepio, e começou a tocar umas músicas esquisitas. De repente comecei a olhar e escutar uns negócios, tipo ‘Não faça igual eles’”, disse ele. Nas redes sociais, a família de Maycon justificou as falas do brother.

Na madrugada de segunda-feira (11), logo após a votação, ele voltou a tocar nesse assunto.

"Respeito as religiões, mas tenho um certo medo, porque já aconteceram muitas coisas comigo. Uma vez, vi dois urubus em pé, um de costas para o outro. Eram dois espíritos ruins, que estavam comendo umas macumbas. Ai na festa eu sentei ali de boa e comecei a comer. Daí o Rodrigo e a Gabriela chegaram, ficaram um de costas para o outro, se abraçaram e começaram a fechar os olhos. Ouvi várias vozes falando comigo dizendo: 'Não seja como eles'. Não só eles, mas todo mundo que é assim. Daí as vozes ficaram falando de Jesus Cristo", disse ele para Paula e Hariany.

"Cheguei a ter medo da Hariany sair no paredão por causa disso, pela força deles dessas coisas", rebateu Paula. A sister também já foi criticada por fazer comentários sobre a religião dos outros participantes

Redação Contigo!
Leia Mais:

Receba em Casa

Bate Bola na Cozinha

NOVELAS

  1. 1 Jullie: Do The Voice Brasil para o estrelato no teatro musical